Artigos Charutos Brasileiros Charutos Cubanos

Charutos Long Filler, Medium Filler e Short Filler, qual a diferença?

Charutos Long Filler e Short Filler

Se você é um aficionado ou pelo menos um entusiasta por charutos como eu, já deve ter lido em algum lugar a expressão “charutos long filler”, ou ouvido de algum funcionário de tabacaria: este charuto é barato porque é short filler.

Afinal, o que significam estas expressões?

O termo “Filler” quer dizer recheio em inglês, assim, Long Filler é o charuto de recheio longo, ou seja, feito com um maço de folhas longas, ou folhas inteiras, como é costumeiramente dito nas tabacarias.

O charuto Short Filler é charuto de recheio curto, ou seja, de folhas curtas, ou de folhas picadas, como se diz no mercado.

Mais recentemente, criou-se uma terceira categoria intermediária: os charutos Medium Filler, ou recheio médio, que nada mais é que um Short Filler melhorado – um charuto com pedaços de folha.

Charutos Long Filler, Medium Filler e Short Filler
Charutos Long Filler, Medium Filler e Short Filler

Qual a diferença prática destes tipos de charuto?

Os charutos Long Filler (ou tripa longa, como dizem os cubanos) são os charutos de primeira linha. Por utilizarem folhas inteiras em seu miolo são charutos mais saborosos, com nuances mais complexas, e também queimam mais lentamente, deixando o charuto menos amargo.

Os charutos Medium Filler e Short Filler são os charutos de segunda linha, geralmente feitos com o que sobra dos charutos de primeira linha. O fato de o recheio ser de fumo picado faz com que o charuto queime mais rapidamente e se aqueça em demasia, deixando-o mais amargo.

Charutos Long Filler e Short Filler
Charutos Long Filler e Short Filler

Para concluir, tanto os charutos “de folhas inteiras” e os “de fumo picado” proporcionam boas degustações. Diversos degustadores, e eu me incluo neste grupo, costumam ter em seus umidores alguns charutos Medium Fillers, mais baratos, feitos para uma degustação mais descompromissada, ou para aquela fumada mais rápida, que não comprometa o orçamento. O importante é garimpar o mercado para localizar algumas marcas que mesmo com baixo custo satisfaçam em temos de qualidade e sabor.

Espero que tenham gostado. Um abraço e até a próxima!

19 comentários em “Charutos Long Filler, Medium Filler e Short Filler, qual a diferença?

  1. Felipe Fava Ferrarezi

    Ótimo artigo, principalmente por trazer ilustrações. Esse blog realmente é excepcional, principalmente para aqueles que estão adentrando nesta nobre arte de degustar e aprender sobre charutos! Parabéns!

    • Caro amigo, agradeço o elogio.
      A propósito, os charutos dissecados são: Partagas Mille Fleur – Long Filler; Charuto Monarcas – Medium Filler e Charuto Leite e Alves – Short Filler.
      Um abraço e obrigado.

  2. Rodrigo Mourão

    Prezado, parabéns pelo blog, não apenas pela iniciativa, mas principalmente pelo conteúdo.

    Concordo com o que vc disse em relação aos charutos de fumo picado. São uma ótima opção para o dia a dia de quem fuma habitualmente, como eu.

    Neste segmento sugiro aos leitores os charutos da linha José L. Piedras, ou mesmo Guantanamera, ambos cubanos, na faixa de r$ 8/12,00.

    Abraço

    MoURÃO

  3. Marcelo Caseira

    Marcelo Caseira
    Não sou fumante, nem entendo deste assunto, entretanto venho algum tempo me interessando pelo assunto pois sou apreciador de vinhos, destilados e cervejas e acredito que charutos serão um excelente complemento. Essa introdução longa é para elogiar o artigo que é simples, claro e didático principalmente para mim que sou ignorante no assunto.
    PARABÉNS !

    • Obrigado pelo elogio! Quando puder, experimente um bom charuto nacional, algo como Alonso Menendez, que é bem suave e com certeza ficará fisgado pelo sabor.

  4. Luis Augusto

    Prezado.
    Parabéns pela artigo, que tem uma excelente dica: não desvalorizar os filler.
    Uma outra dica que já utilizei foi a do sache Bóveda. Comprei uma caixa de madeira (mas não é de cedro) e colquei meus charutos lá com o sache de 69% (foi o que havia na tabacaria daqui). A caixa tem altura de 5cm. Coloquei o sache no fundo e fiz uma divisória à altura de 2,5cm com vários furos de 1/2″. Não sei se vai umidificar. Mas, como você falou que pode colocar o sache sobre os charutos vou experimentar as duas condições.
    Parabéns.
    Luis Augusto.
    Vitória/ES.

    • Caro amigo.
      Depois que descobri o sachê Boveda, não fico mais sem. Deve funcionar numa caixa comum sim, se tiver uma vedação razoável.
      Forte abraço e boas baforadas.

  5. Hector

    Parabéns pelo artigo, é de grande interesse principalmente à aqueles que são habituados a degustar um mf ou sf no dia a dia. Gostaria de enfatizar que o charuto Danneman Sem nome para o dia a dia é uma excelente opção , em contrapartida, o charuto Guantanamera sequer deveria levar o nome Habano em sua anilha; não é atoa que tem fama de ser feito varrendo o chão das fabricas cubanas. Grande abraço

  6. Fernando Madeira

    Excelente artigo, especialmente para um novato, como eu. Mas, para que serve esse sachê mencionado pelo colega capixaba?

  7. Tive a oportunidade de apreciar um COHIBA série explendido e foi explendido mesmo. Não sabia sobre essa diferença de fumo picado e folha inteira, afinal estou iniciando na arte da degustação. Obrigado pelo esclarecimento

  8. Paulo Costa

    Ótimo artigo! Não fumo nada…mas comecei a me interessar pela arte da degustação dos charutos. Valeu!

  9. Rodrigo Teisen

    Senhores, estou inciando na arte de degustar e apreciar charutos e como todo iniciante, busquei muitas informações para iniciar da forma mais correta possivel, chegando aqui a esta “maravilhosa biblioteca”.
    Ocorre que no momento da compra de um charuto sempre fico em dúvida se por exemplo, um charuto nacional long filler seria de melhor qualidade que um cubano medium ou short filler no mesmo patamar de preços?
    Sei que estas comparações são dificeis, mas a qualidade dos cubanos são tão eternizadas que me vem esta dúvida, será que estou fazendo uma boa escolha ao pegar um cubano short filler a um nacional long filler? grande abraço a todos.

    • Considero que charutos nacionais e cubanos são como vinhos Cabernet e Merlot, são uvas diferentes assim como são tabacos diferentes. Há excelentes Cabernets e excelentes Merlot assim como há ótimos nacionais e cubanos não tão bons. Não se feche aos não cubanos. Bom mesmo é poder escolher.

  10. Jordi Calvet

    Caros confrades boa noite
    Estou iniciando nesta nobre arte e tenho uma duvida:
    Comprei alguns charutos e alguns vieram embalados em uma embalagem plastica e dois vieram em tubos de vidro.
    A minha duvida é quanto a guarda deles, eu devo retira-los da embalagem plastica e coloca-los na caixa ou guardo eles na caixa dentro da embalagem plastica?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: