Bolivar Camacho Charutos Brasileiros Charutos Cubanos Charutos Hondurenhos Cohiba Oliva Padron

Cuba Vs. Mundo (Charutos Cubanos Vs. Charutos do Mundo)

Cuba Vs. Mundo

Hoje reunimos nossos avaliadores convidados para um duelo: Cuba Vs. Mundo.

De tanto ler em sites estrangeiros sobre os tais “charutos do ano” e ver tantas marcas da Nicarágua, República Dominicana e Honduras entre as primeiras colocações, resolvemos degustar algumas destas marcas mais comentadas e os confrontar com os puros cubanos. Quem será que leva a melhor?

Cuba Vs. Mundo
Cuba Vs. Mundo

A metodologia foi simples: a cada avaliador foi dado 6 charutos – 3 cubanos e 3 charutos “não cubanos” por assim dizer. A avaliação era dividida em apenas 2 critérios, para facilitar: Sabor (Nota de 1 a 10) e Experiência Geral (Degustação) (Nota 1 a 10). As anilhas não foram retiradas pois a maioria dos avaliadores comentaram que já sabiam como identificar a capa dos charutos cubanos, estão deixamos os charutos anilhados.

Os charutos degustados foram:

Charuto Camacho Select Super Robusto – Honduras
Charuto Padrón Belicoso Serie 1926 – Nicarágua
Perdomo Habano Torpedo – Nicarágua
Montecristo White Label #2 Torpedo – Rep. Dominicana
Charuto Oliva Serie V Double Robusto – Nicarágua
Casa Magna Colorado Gran Toro – Nicarágua

Vs.

Cohiba Pirámides Extra – Cuba
Montecristo 520 – Ed. Ltda 2012 – Cuba
Montecristo Edmundo – Cuba
Partagas P2 – Cuba
Romeu e Julieta Belicoso – Cuba
Bolivar Royal Corona – Cuba

As notas coletadas foram:

Avaliador 1 Nota
Cohiba Pirámides Extra – Cuba 9,6
Partagas P2 – Cuba 9,5
Charuto Camacho Select Super Robusto – Honduras 9,3
Charuto Oliva Serie V Double Robusto – Nicarágua 9,3
Casa Magna Colorado Gran Toro 9,1
Montecristo Edmundo – Cuba 9,1
País Vencedor: Cuba
Avaliador 2 Nota
Charuto Padron Belicoso Serie 1926 – Nicarágua 9,6
Partagas P2 – Cuba 9,5
Perdomo Habano Torpedo – Nicarágua 9,5
Bolivar Royal Corona – Cuba 9,4
Romeu e Julieta Belicoso – Cuba 9,2
Montecristo White Label #2 Torpedo – Rep. Dominicana 9,1
País Vencedor: Nicarágua
Avaliador 3 Nota
Charuto Oliva Serie V Double Robusto – Nicarágua 9,4
Bolivar Royal Corona – Cuba 9,4
Romeu e Julieta Belicoso – Cuba 9,3
Montecristo White Label #2 Torpedo – Rep. Dominicana 9,2
Charuto Camacho Select Super Robusto – Honduras 9,2
Montecristo Edmundo – Cuba 9,1
País Vencedor: Empate: Cuba e Nicarágua
Avaliador 4 Nota
Montecristo 520 – Ed. Ltda 2012 – Cuba 9,7
Charuto Padron Belicoso Serie 1926 – Nicarágua 9,3
Partagas P2 – Cuba 9,2
Charuto Oliva Serie V Double Robusto – Nicarágua 9,1
Romeu e Julieta Belicoso – Cuba 9,1
Casa Magna Colorado Gran Toro 9,1
País Vencedor: Cuba
Avaliador 5 Nota
Cohiba Pirámides Extra – Cuba 9,8
Partagas P2 – Cuba 9,5
Charuto Oliva Serie V Double Robusto – Nicarágua 9,4
Charuto Camacho Select Super Robusto – Honduras 9,3
Montecristo Edmundo – Cuba 9,2
Charuto Padron Belicoso Serie 1926 – Nicarágua 9,1
País Vencedor: Cuba

O Resultado final foi:

3 Avaliadores consideraram Cuba como país vencedor.
1 Avaliador empatou com 2 charutos (Cuba e Nicarágua).
1 Avaliador considerou Nicarágua como país vencedor com o Charuto Padrón.

Comentários:

O que dizer destes resultados? Cuba ainda faz os melhores charutos, não há dúvida, mas a distância da qualidade, que há alguns anos era gigante, hoje já não é tão expressiva. E se analisamos as notas de cada avaliador, o que se vê são números muito próximos, com destaque para belos exemplares de todos os países!

Só para constar, é possivel encontrar no Brasil algumas das marcas de Honduras e, é claro, todos os cubanos degustados.
Outras marcas que poderiam ter entrado neste duelo e que também são encontradas no Brasil são os charutos Arturo Fuente e os deliciosos Davidoff. Um forte abraço e boas baforadas!

Ps: E os charuto brasileiros, onde ficam? Olhe, eu bem que gostaria de incluir alguns charutos brasileiros aqui, mas o objetivo deste duelo foi justamente confrontar as publicações estrangeiras com suas notas altas e ditos ”charutos do ano” com os charutos cubanos, quem sabe numa próxima?

2 comentários em “Cuba Vs. Mundo (Charutos Cubanos Vs. Charutos do Mundo)

  1. Oliver

    Olá,
    Sempre interessante essas avaliações, mas creio que poderíamos ter um panorama mais preciso se todos os avaliadores tivessem fumado os mesmos charutos.
    Sei que isso é um pouco mais difícil por vários motivos, mas talvez fosse interessante pensar nessa possibilidade para o futuro.
    Abraço
    Oliver

    • Caro confrade, pensamos nessa possibilidade no início e até seria uma metodologia mais “científica”, por assim dizer, mas para cobrir um espectro mais abrangente de marcas com escalas de forças diferentes (devido as preferências pessoais de cada avaliador), sem fazer com que os participantes degustassem 12 charutos – o que seria muito demorado para a entrega das avaliações – optamos por fazer um apanhado de marcas – todas muito bem avaliadas – para ter um resultado bem fidedigno. Mas anotamos sua sugestão, obrigado pelo comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: